Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

Ator Sean Connery falece aos 90 anos


O ano de 2020 realmente não está fácil. Se não bastasse essa pandemia miserável e a morte de mais 100 mil pessoas no Brasil, agora é Sean Connery, o melhor James Bond de todos os tempos, que se vai.

O ator faleceu nesse sábado, 31 de outubro, aos 90 anos. A notícia foi confirmada pela família. A causa da morte não foi revelada, mas o astro estava com problemas de saúde.

Os outros intérpretes do espião britânico que me desculpem, mas o sucesso deles na pele de 007, também é graças a Sean Connery. Tudo porque foi ele quem apresentou Bond ao mundo com sua elegância, charme e humor sarcástico.

Aliás, foi Connery que também imortalizou nas telonas a expressão “Bond… James Bond”. O curioso é que essas foram as primeiras palavras dele como o personagem criado por Ian Fleming, em 1962, no longa “007 Contra o Satânico Dr. No”.

Sean Connery em cena de “Indiana Jones e a Última Cruzada”

E se você pensa que a carreira do ator escocês se resume a só 007, está muito enganado. Sean Connery ultrapassou limites. Ele também foi magnífico na caça ao Santo Graal ao lado de um tal arqueólogo, Indiana Jones, em “A Última Cruzada”. Não é qualquer um que derruba um avião nazista usando apenas um guarda chuva e pássaros voando.

Também lutou de igual para igual com Connor MacLeod, em “Highlander”, além de ter participado de grandes aventuras como Allan Quartemain em “A Liga Extraordinária”.

Pois é, não é errado afirmar que Sean Conney é um dos grandes atores do século 20. Vá em paz “Sir”! Obrigado por proporcionar momentos felizes, pelo menos para este humilde escritor.

por Pedro Tritto – Colunista CFNotícias