Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

Crítica: A Casa da Mãe Joana 2


Sempre que vejo algum lançamento do cinema brasileiro penso em comédia, sexo, drogas, confusões, “trambiques” ou enredos de novela e A Casa da Mãe Joana 2 é praticamente uma união de tudo isso.

Com um elenco de peso, o filme traz uma nova história envolvendo os três amigos Montanha (Antônio Pedro), Juca (José Wilker) e PR (Paulo Betti), 5 anos após a estreia do primeiro longa.

Desta vez, o jornalista Montanha é um escritor bem-sucedido, graças ao seu livro “A Casa da Mãe Joana”, e os outros dois amigos aproveitam a situação. PR começa a ser caçado pelas duas filhas da viúva na qual deu um golpe e Juca foi preso por participar de uma maratona de “cannabis” (mais conhecida como maconha). Os dois vão ao encontro de Montanha e quando os três se juntam, a bagunça começa!

O filme ainda conta com grandes nomes como Caíque Luna, Leona Cavalli, Juliana Paes, Betty Faria, Xuxa Lopes e Anselmo Vasconcellos.

por Tabatha Antonaglia – Especial para CFNotícias

acasadamaejoana2_texto