Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

Crítica: Dolittle


Essa não é a primeira vez que Dolittle, personagem criado por Hugh Lofting, ganha adaptações no cinema. O famoso doutor que tem a habilidade de falar com animais, agora ganha o rosto de Robert Downey Jr. Então, a primeira regra é: Esqueça referências.

Com roteiro e direção de Stephen Gaghan, “Dolittle” (Dolittle) é simplesmente encantador, tudo muito colorido, lúdico e mágico. Um verdadeiro conto de fadas (sem fadas), os efeitos especiais utilizados para dar vida aos animais são sensacionais.

A narrativa trata inicialmente de um homem que optou pela reclusão após a perda de seu grande amor, Lily (Kasia Smutniak); suas únicas companhias são os animais do santuário onde vive e, como já sabemos, Dr. Dolittle pode se comunicar com todos eles.

Deprimido, cheio de culpa e amedrontado o médico é tirado de sua zona de conforto quando a vida da Rainha Victoria (Jessie Buckley), está por um fio. Ele então embarca em uma aventura em busca do único remédio que pode salvar a vida de Sua Majestade.

Acompanhado por seus animais, o veterinário se vê forçado a aceitar como assistente o garoto Stubbins (Harry Collett), que também quer desenvolver a capacidade de se comunicar com os bichos. Para isso, o garoto deixa sua família de caçadores e parte em busca de conquistar a confiança do doutor com fobia social.

O elenco que dá voz aos animais na dublagem original é cheio de grandes personalidades, como: Rami Malek, Emma Thompson, Ralph Fienes, Tom Holland, John Cena, Octavia Spencer, Kumail Nanjiani, Selena Gomez, entre outros.

Downey Jr. é um dos maiores nomes do cinema mundial, sua popularidade é inegável. O ator, que interpretou o “Homem de Ferro” na última década, criou uma legião de fãs e seu evidente carisma colaborou – e muito – para que o personagem caísse nas graças do público.

Contudo, sua atuação é bem linear, mais do mesmo. Ainda que neste filme tenhamos outro gênero e uma nova proposta, é possível ver muito de Tony Stark e até mesmo de Sherlock Holmes no Dr. Dolittle. Vale lembrar que ele divide cenas com Antônio Banderas e Michael Sheen.

Uma produção divertida, repleta de grandes nomes, com um roteiro que apesar meio clichê surpreende pela beleza e delicadeza de algumas cenas. Então, aproveite e confira nos cinemas.

por Carla Mendes – especial para CFNotícias

*Filme assistido durante Cabine de Imprensa promovida pela Universal Pictures.