Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

Crítica: Em Ritmo de Fuga


Dirigido por Edgar Wright (Scott Pilgrim contra o Mundo), “Em Ritmo de Fuga” é um filme de ação eletrizante, muito por causa do seu ritmo acelerado e trilha sonora potente. Aliás, são as músicas cult, como “Harlem Shuffe” (Bob & Earl), “That’s The Way” (Led Zeppelin) e “Tiny Dancer” (Elton John), que comandam a narrativa.

Logo na primeira cena já vemos o que está por vir com uma sequência empolgante, em que o protagonista aguarda seus parceiros de crimes atrás do volante de um Subaru tunado cantando e batucando “Bellbottoms”, do grupo “Jon Spencer Blues Explosion”. Em seguida, ele mete o pé no acelerador e sai em alta velocidade pelas ruas e avenidas, sem ter medo do que pode acontecer.

A trama acompanha Baby (Ansel Elgort), um jovem rapaz com carinha de bebê que trabalha como motorista para um grupo de ladrões liderado por um sujeito chamado Doc (Kevin Spacey). A função do garoto é simplesmente dar carona para os colegas poderem fugir da polícia.

Bem sucedido no que faz, o jovem sonha em se aposentar desse serviço e poder curtir a vida de forma tranquila. Essa vontade aumenta ainda mais quando conhece a bela garçonete Debora, interpretada por Lily James (Cinderela). No entanto, o protagonista é convocado para um serviço grandioso, que pode colocar tudo o que conquistou em risco. É aí que a história engrena de vez.

Engrena de vez pois as cenas de ação vão ficando mais complexas, com Baby fazendo manobras poderosas com seu carro. Além disso, a jornada do pequeno herói vai ficando cada vez mais intrigante, afinal de contas, a cada movimento que faz para se livrar, sempre surge uma surpresa para atrapalhar. O fato é que essa estratégia adotada pelo diretor beneficia o espectador, pois prende a atenção do início ao fim.

Claro que o filme apresenta problemas, mas para quem curte alta velocidade, “Em Ritmo de Fuga” é uma ótima pedida, já que cumpre seu papel de ótimo entretenimento. Sem dúvida, é uma aventura excitante que faz uma bela homenagem para a cultura pop.

Por Pedro Tritto – Colunista CFNotícias

Tags: , , , ,