Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

Crítica: “Fantástica”


Com distribuição da Lança Filmes e exibição exclusiva em salas da Rede Cinemark, “Fantástica – Uma Aventura no Mundo Boonie Bears”, estreia no Brasil. Dirigida pelo trio Huida Lin, Yongchang Lin e Leon Ding, faz parte de uma série de quatro filmes e Boonie Bears é também uma série televisiva de desenho animado que faz muito sucesso no público chinês.

Na famosa série animada, dois ursos, Briar e Bramble, tentam impedir que Logger Vick destrua a floresta em que eles moram. O trio está presente no filme, acompanhado da pequena robô Coco e de Naya, uma guerreira da floresta, todos lutando contra bandidos que querem roubar um grande tesouro e destruir o reino de Fantástica.

O filme tem um andamento que pode causar um estranhamento no público brasileiro de início, mas nada com que se não acostume logo. Apesar de algumas falhas, que certamente não atrapalharão crianças menores, como um roteiro que poderia ter mais cuidado em alguns diálogos e na construção de algumas situações, a animação é de uma beleza estonteante e traz ótimas mensagens de amor à natureza, respeito e compreensão.

Enquanto a primeira parte do longa é dedicada a nos apresentar os personagens centrais e foca na relação – de início, não muito amistosa – entre Coco e Vick é um pouco longa, a segunda parte tem um desenvolvimento narrativo muito melhor ao nos levar para uma floresta encantada, cheia de surpresas e muitas aventuras ao tentar salvar o tesouro dos bandidos – que contam com um líder interessante.

Vale ainda dizer que a produção conta com uma rápida e inesperada inserção em live-action que pode agradar as crianças e com um final que tem tudo para emocionar mesmo os espectadores mais velhos.

por Isabella Mendes – especial para CFNotícias