Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

Crítica: Jackie


Em algumas ocasiões, as pessoas escolhem um filme não só pela sua história, mas também pela atuação do elenco. E quem decidir assistir “Jackie”, longa que conta o ponto de vista de Jacqueline Kennedy sobre o assassinato do presidente dos Estados Unidos, John F. Kennedy, verá uma ótima história, além de atuações belíssimas, principalmente a de Natalie Portman (Thor), certamente a principal atração do longa.

Impecável, ela consegue passar a tristeza de uma pessoa que tenta se recuperar da perda de seu marido. A cada cena, é possível notar o desespero da ex-primeira dama ao ouvir o tiro que matou o amado, além de sentir sua revolta na hora de tomar fortes decisões e melancolia ao dar uma entrevista sobre um dos piores dias de sua vida.

A trama começa justamente com um jornalista (Billy Crudup) chegando na nova casa de Jackie (já bem longe de Washington), para falar sobre o assassinato de JFK, que ocorreu durante uma passeata presidencial, em Dallas, no estado do Texas.

A partir daí, passamos a ter flashbacks que nos revelam mais da personalidade da Sra. Kennedy. Com isso, percebemos diálogos intensos entre os personagens. Vale destacar o momento em que ela começa a fumar e diz para o comunicador à sua frente não publicar sobre seu vício, dizendo simplesmente que não é fumante.

Outro ponto positivo é o roteiro de Noah Oppenheim (A Série Divergente: Convergente). Tudo é contado de maneira detalhada. Dessa forma, o ritmo acaba ficando bem lento para o espectador, o que é ruim, mas isso é compensado com atuações magníficas do elenco.

Além de Portman, quem também chama a atenção é Peter Sarsgaard (Lanterna Verde), que interpreta Bobby Kennedy. Neste caso, é interessante notar como o irmão do então presidente se tornou um porto seguro para a cunhada e os sobrinhos. Mesmo bastante afetado com a tragédia, é ele quem assume o controle na hora de tomar decisões políticas e lidar com o novo presidente Lyndon B. Johnson (John Carroll Lynch).

Sem dúvidas, “Jackie” é o filme certo para quem quer saber mais sobre os bastidores de um dos episódios mais comentado do século 20. E mais: o longa se mostra corajoso ao trazer detalhes sobre a vida pessoal da esposa de um dos presidentes mais famosos do mundo. Vale muito a pena conferir!

Por Pedro Tritto – Colunista CFNotícias

Tags: , ,