Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

“Se a rua Beale falasse” chega às livrarias e aos cinemas


Tish tem dezenove anos quando descobre que está grávida de Fonny, de 22. A sólida história de amor dos dois é interrompida bruscamente quando o rapaz é acusado de ter estuprado uma porto-riquenha, embora não haja nenhuma prova que o incrimine.

Convicta da honestidade do noivo, Tish mobiliza sua família e advogados na tentativa de libertá-lo da prisão.

Lançado originalmente em 1974, este é o quinto romance de James Baldwin, que foi recentemente adaptado para os cinemas por Barry Jenkins, diretor vencedor do Oscar por Moonlight. O filme inspirado em Se a rua Beale falasse foi lançado no exterior no final do ano passado e aclamado pela crítica.

Na noite de ontem, 06 de janeiro, a atriz Regina King ganhou um Globo de Ouro de atriz coadjuvante por Sharon Rivers, mãe da protagonista Tish (KiKi Lane). O elenco ainda conta com Stephan James, Teyonah Parris e Brian Tyree Henry.

O filme chega aos cinemas do Brasil no dia 24 de janeiro. A edição do livro, traduzida por Jorio Dauster e com posfácio de Márcio Macedo, será lançada no dia 10 de janeiro pela Companhia das Letras e já está em pré-venda.

Ficha Técnica:

Título original: If Beal Street could talk

Tradução: Jorio Dauster

Capa: Daniel Trench

Páginas: 224

Formato: 14.00 X 21.00 cm

Peso: 0.208 kg

Acabamento: Brochura com Orelha

Lançamento: 10/01/2019

ISBN: 9788535931945

Selo: Companhia das Letras

da Redação CFNotícias