Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

Searchlight Pictures: Conheça mais sobre o estúdio por trás de “A Casa Sombria”


Cena do filme “A Casa Sombria”

Está em exibição nos cinemas do Brasil A Casa Sombria, filme de terror dirigido por David Bruckner (O Ritual) e estrelado por Rebecca Hall (Vicky Cristina Barcelona; Atração Perigosa). Na história, Hall interpreta Beth, uma viúva que lida com a morte inesperada do marido e vive sozinha e sozinha em uma casa que ele construiu à beira de um lago.

Quando passa a ter visões perturbadoras de uma presença na casa, a protagonista começa a vasculhar os pertences de seu marido, ansiando por respostas. O que ela descobre são segredos terríveis e um mistério que está determinada a resolver.

A Casa Sombria é o mais novo filme da Searchlight Pictures, fundada em 1994 como Fox Searchlight Pictures e que hoje faz parte da The Walt Disney Studios. Os títulos do estúdio arrecadaram mais de US$ 5,3 bilhões em todo o mundo e acumularam mais de 100 prêmios, incluindo estatuetas do Globo de Ouro, do BAFTA e do Oscar.

Lançamentos futuros

Cena do filme “A Crônica Francesa”, de Wes Anderson

Além de A Casa Sombria, outros grandes títulos serão lançados em breve pela Searchlight Pictures, dirigidos por diretores aclamados. Em outubro, estreia Espíritos Obscuros dirigido por Scott Cooper e estrelado por Keri Russell, Jesse Plemons e Jeremy T.

O filme de terror sobrenatural segue uma professora escolar e seu irmão policial em uma pequena cidade do Oregon, onde eles se convencem de que um de seus alunos está abrigando uma criatura sobrenatural.

Ainda este ano, estreia A Crônica Francesa, de Wes Anderson, que recebeu 9 minutos de aplausos no festival de Cannes em julho. O longa é descrito como uma carta de amor aos jornalistas.

Ambientado na redação de uma revista americana em uma fictícia cidade francesa do século 20, o filme dá vida a uma coleção de contos publicados em A Crônica Francesa, a revista título da produção.

O elenco de peso conta com Benicio Del Toro, Frances Mcdormand, Jeffrey Wright, Adrien Brody, Tilda Swinton, Timothée Chalamet, Owen Wilson, Bill Murray, Elisabeth Moss e muitos outros.

O ano de 2022 também já conta com a estreia de Beco do Pesadelo, longa-metragem de suspense de Guillermo del Toro. Estrelado por Willem Dafoe, Cate Blanchett e Bradley Cooper, conta a história de um jovem ambicioso com talento para manipulação que se une a uma psiquiatra para aplicar golpes nas pessoas.

O filme é uma adaptação do livro homônimo de William Lindsay Gresham, que já ganhou uma versão para o cinema em 1947, intitulada O Beco das Almas Perdidas.

E para fechar essa lista com chave de ouro, outro próximo lançamento da Searchlight Pictures é o drama biográfico Os Olhos de Tammy Faye, de Michael Showalter.  A produção acompanha Tammy Faye (Jessica Chastain) e seu marido Jim Bakker (Andrew Garfield) nas décadas de 1970 e 1980, que vieram de origens humildes e conseguiram criar a maior rede de radiodifusão religiosa e parque temático do mundo.

Conseguindo reverência por sua mensagem de amor, aceitação e prosperidade, Tammy Faye era lendária por sua beleza, seu canto e seu jeito com as pessoas. No entanto, os escândalos e seus rivais procuraram alguma forma de derrubar seu império.

Filmes clássicos e premiados

Frances McDormand como Fern no filme “Nomadland”, premiado pela Academia nas categorias de Melhor Filme, Melhor Direção e Melhor Atriz

Os títulos da Searchlight Pictures sempre marcam presença nas principais premiações do cinema, incluindo o Oscar. Desde 2009, cinco títulos foram vencedores da categoria principal da Academia: Quem Quer Ser Um Milionário? (2018), 12 Anos de Escravidão (2013), Birdman ou A Inesperada Virtude da Ignorância, em português (2014), A Forma da Água (2017) e o mais recente Nomadland (2020). O longa de Chloé Zhao fez história ao ser o primeiro dirigido por uma mulher asiática a levar os prêmios de Melhor Direção e Melhor Filme.

No total, os filmes produzidos pelo estúdio, incluindo os ainda não lançados, somam mais de 50. Entre eles, estão títulos indicados e vencedores de outras categorias da Academia e produções aclamadas pela crítica, como Jojo Rabbit (2019), Três Anúncios para Um Crime (2017), O Grande Hotel Budapeste (2014), Cisne Negro (2010), Juno (2007), Pequena Miss Sunshine (2006), O Último Rei da Escócia (2006) e muitos outros.

da Redação CFNotícias (com informações da Agência bcbiz)