Go to ...
CFNotícias on YouTubeRSS Feed

“Três Verões” estreia em Drive-Ins, no Telecine e para aluguel no Streaming


“Três Verões”, dirigido por Sandra Kogut, estava com tudo pronto para ser lançado nos cinemas no dia 19 de março quando as salas tiveram que ser fechadas em todo o Brasil por conta da pandemia de Covid-19.

“O fechamento dos cinemas na semana que ‘Três Verões’ estrearia trouxe preocupação, pois havíamos investido muito na campanha para o filme atingir um grande público – o que parecia impossível com a pandemia. Mas a parceria com o Telecine foi fundamental para a gente repensar como atingir um grande público em todo o país e garantir um lançamento forte do filme. Assim, após o circuito de drive-ins, o filme estará disponível no streaming e seis canais do Telecine e também poderá ser alugado em operadoras como Now, Vivo Play e Oi Play” conta Felipe Lopes, diretor da Vitrine Filmes.

Após cinco meses de espera, o público finalmente poderá conhecer Madá, a protagonista do filme, interpretada por Regina Casé, já que o longa será lançado em drive-ins no dia 03 de setembro. E logo após, a partir de 16 de setembro, “Três Verões” estreia no Telecine, Now, Vivo Play e Oi Play.

“O Telecine sempre apoiou a exibição dos filmes no cinema, entendendo que é uma experiência única, capaz de formar e atrair novos públicos. Mas entendemos também que, cada vez mais, esse momento cinema pode se expandir para outras plataformas. Nosso objetivo é ser o hub onde se dá o encontro do público com seus filmes. A parceria com a Vitrine permite que, mesmo num cenário de salas fechadas, grandes títulos tenham a visibilidade que os realizadores, os talentos e o público merecem”, afirma Sóvero Pereira, Diretor de Conteúdo e Aquisições do Telecine.

“Acho que estamos em um momento de mudanças abruptas e esperanças, assim como acontece no filme, que fala exatamente sobre mudanças abruptas e esperanças. Um momento de inventar novas maneiras de fazer quando as coisas desmoronam. Ser criativo, não interromper o fluxo das coisas. O filme fala exatamente disso também. O que eu mais quero é que o filme chegue às pessoas, e ao maior número de pessoas possível”, diz a diretora Sandra Kogut.

“Existem muitas maneiras de ver filmes, elas não de excluem, se complementam. A sala de cinema é o único lugar onde a gente vive a emoção individual e coletiva ao mesmo tempo. Mas nesse momento não é lá que podemos declarar nosso amor ao cinema. Os drive-ins são uma ideia genial para tempos excepcionais. Se espalharam pelo mundo todo. As pessoas adoram. Eu me lembro deles da minha infância. Estou animadíssima em mostrar o filme no drive-in, em todas as telas possíveis, quero que o filme chegue onde ele sempre quis chegar: nas pessoas”, completa.

“Três Verões” estreou em 91 salas na França, após a reabertura dos cinemas francesas em junho, e também foi lançado na Espanha, na Itália, na Holanda e na Polônia. O filme teve uma longa carreira em Festivais, com estreia mundial no Festival de Toronto e foi exibido pela primeira vez no Brasil na 43ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo.

Também passou pelo Festival do Rio e Antalya Golden Orange Film Festival, na Turquia, onde garantiu à Regina Casé dois prêmios de Melhor Atriz por seu papel como Madá.

Sinopse:

A cada verão, entre Natal e Ano Novo, o casal Edgar e Marta recebe amigos e família na sua mansão espetacular à beira mar. Em 2015 tudo parece ir bem, mas em 2016 a mesma festa é cancelada.

O que acontece com aqueles que gravitam em torno dos ricos e poderosos quando a vida deles desmorona? Através do olhar de uma caseira e de um velho patriarca, ambos vítimas do sonho neoliberal, vemos um retrato do Brasil contemporâneo, imediatamente antes de 2018.

da Redação CFNotícias